18 janeiro, 2011



A vida é sua e você é como uma borboleta, suas probabilidades de sair do casulo são as mesmas de não sair, digamos que 24 horas seria uma vida, e você nem se quer recebe algum manual de como você deve viver, mas você vai estar em um jardim com outras borboletas, e elas também não vão ser imortais, e você vai poder voar passar por riscos, e se alguém cortar suas assas? Pelo menos você pode voar, e se você não tivesse corrido esse risco sua vida acabaria da mesma forma, mais cedo ou mais tarde!

Nenhum comentário:

Postar um comentário